Ashley Graham: “minha mãe não fez da celulite uma questão”

Modelo posa nua para a V Magazine e fala sobre sua relação com o próprio corpo

Ashley Graham continua mudando o mundo da moda — e sua aparição nua, seguida de comentários sobre celulite, faz dessa V Magazine uma edição histórica. Ashley é modelo e ativista corporal, e desde o começo de sua carreira fala de sua experiência em superar tabus da indústria.

Ela já abriu sua intimidade sobre relacionamentos abusivos, amar o próprio corpo e sobre como ter celulite é normal. Esse último tema, porém, chocou o mundo da moda, ainda muito relacionado a estereótipos de beleza. Apesar disso, Ashley sabia que grande parte de seus mais de 4 milhões de seguidores no Instagram seriam inspirados por suas falas, e continuou sua trajetória de valorização de belezas múltiplas.

A revista, que é publicada nos Estados Unidos desde 1999, exibe Ashley nua em fotos preto e branco com seu corpo como ele é. As imagens são acompanhadas de uma longa entrevista com Tracee Ellis Ross, filha de Diana Ross.

Leia mais: O motivo pelo qual esta modelo postou uma foto da sua celulite

Entre os temas da conversa está a celulite: “Eu lembro dos meus primeiros sinais de celulite no ensino médio. Lembro de dizer para a minha mãe ‘não é nojento? é tão feio’. Ela abaixou suas calças e disse ‘Veja, eu também tenho’ […] Ela não me disse se era bonito ou feio, ela apenas não fez disso uma questão. Se mulheres como você e eu continuarmos a falar sobre isso, eu sinto que mulheres mais jovens sentirão isso e pensarão ‘E quem liga?!’”, conta ela à Tracee.

Ela finaliza falando sobre a importância de dizer coisas positivas a si mesma todos os dias: “Eu cresci em uma casa cristã, então sei que palavras têm poder. Eu levei isso comigo em todas as áreas da minha vida. Se eu disser “eu sou gorda”, é assim que me sentirei. Se você disser “eu sou estúpida”, é assim que você irá começar o seu dia. Eu acordo e, às vezes, me sinto a pessoa mais gorda do mundo, mas não vou deixar isso afetar o resto do meu dia. Diga para si mesma: eu gosto desse dia. Eu sou corajosa, eu sou bonita, eu sou brilhante.” Para mim, isso impacta o interior, o exterior, e me faz me sentir inteligente.”

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s