Como Alexandre Herchcovitch e Fábio Souza comandam a ALG

Juntos na vida e nos negócios, Alexandre e Fábio contam tudo sobre os bastidores da À La Garçonne, a grife que faz as peças mais cobiçadas do momento.

Eles são parceiros na vida e no business. Um é um dos maiores designers da história da moda brasileira. O outro um pioneiro de um modelo de upcycling e vintage deluxe, conectado com o que há de mais novo no mercado. Juntos, criam dois filhos e pilotam a grife À la Garçonne, que com apenas dois desfiles já se transformou em destaque da São Paulo Fashion Week e virou um hit entre celebridades e fashionistas.

Leia mais: O guia de viagem parisiense de Alexandre Herchcovitch e Fábio Souza

Valentina Sampaio usa parka militar, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa parka militar, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE.

A ALG é um projeto criado em 2009 por Fábio, que começou com uma loja vintage especial, focada na curadoria de itens que iam de roupas a móveis e brinquedos. Quando Herchcovitch deixou a direção criativa de sua marca própria após 25 anos, os dois uniram forças. “Disseram que eu estava sendo apressado, mas nós dois acreditamos que era a hora certa. E o trabalho foi muito bem recebido”, diz Herchcovitch. No intervalo de uma sessão de fotos com as roupas da marca, clicadas pelo fotógrafo Bob Wolfenson, entrevistamos a dupla. Os hot topics da conversa você confere a seguir.

Como é a dinâmica de trabalho de vocês?

ALEXANDRE HERCHCOVITCH: O Fábio sabe bem o que ele quer em cada coleção e para a marca em geral. A À la Garçonne já tem quase dez anos, e sempre acompanhei a história toda, mas nunca de dentro. O direcionamento vem dele.

FÁBIO SOUZA: Eu dou todo o input, mas o que me deixa tranquilo é a expertise do Alexandre. Se eu disser “quero uma jaqueta X”, ele sabe a melhor maneira de fazer para que a peça fique perfeita e como eu imaginei. De qualquer maneira, ele tem toda a liberdade para criar o que quiser. Existe uma troca constante.

AH Tenho outra função, que é buscar os negócios da marca, os links entre todas as empresas que estão virando parceiras. Me sinto formador dos negócios da ALG, além de ter todas as tarefas de um estilista.

Valentina Sampaio usa moletom pintado a mão e short jeans, À la Garçonne no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa moletom pintado a mão e short jeans, À la Garçonne no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE.

E vocês levam muito trabalho pra casa?

AH A gente acaba falando do trabalho em casa. Hoje nossa equipe não tem nem dez pessoas, então é meio natural que tudo volte pra gente. Mas tentamos nos policiar e botar limites. Nos fins de semana, por exemplo, tentamos ficar tranquilos com as crianças. Mas aos sábados sempre damos uma passada com elas na loja porque tem muita gente que faz questão de ser atendida por mim. Então eu vou para receber esses clientes e participar da venda de fato, receber e conversar.

Valentina Sampaio usa vestido-camiseta, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa vestido-camiseta, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Reprodução)

Fábio, as pessoas já conhecem bem o universo criativo do Alexandre, o que ele curte, em que se inspira, coisas que ele já mostrou nas coleções e em outros trabalhos diversos. Quais são as suas inspirações?

FS Nunca penso em imagens nem em musas e ícones. Eu trabalho com produto. Meu pensamento é assim: esse tipo de jaqueta falta no mercado, por que ninguém está fazendo isso? Eu não olho muito para a moda de hoje, não vejo desfile. Minha inspiração vem de imagens antigas, do século 19 ou dos anos 1920 e 40. Pesquiso muito em brechós e, de mais moderno, observo muito o streetstyle. Gosto de saber como as pessoas estão misturando as peças. Tenho a tendência de jogar tudo pro passado, na silhueta ou no tecido.

AH Até no modo de confeccionar.

FS Eu tendo a jogar tudo para trás. Já o Alexandre joga tudo para a frente. Ele olha para o passado, mas de um jeito novo. Já eu prefiro roupas que são um resgate mais literal.

AH O Fábio tem interesse em fazer algumas reproduções de peças. Retomar maneiras de fazer roupa que não existem mais. Por exemplo, na nossa parceria com a Hering, a gente vai lá e tenta produzir uma malha do jeito e com as características das que eles produziam há 100 anos. Uma malha mais grossa, de underwear.

Valentina Sampaio usa catsuit, cinto pintado a mão e sapatos veganos, À la Garçonne + Di Cristalli no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa catsuit, cinto pintado a mão e sapatos veganos, À la Garçonne + Di Cristalli no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Reprodução)

Vocês ainda viajam para garimpar peças?

FS O ritmo de viagem caiu muito com o nascimento das crianças. Difícil fazer isso com filhos pequenos. Estou me organizando para voltar a fazer essas viagens porque é algo que me faz bem. Não quero abandonar o garimpo.

AH O Fábio também tem comprado bastante no Brasil.

FS Além disso, depois de muitos anos de mercado, consigo comprar muito virtualmente. Tenho dealers no mundo inteiro, que me mandam fotos, me oferecem os produtos certos. Gente que já trabalha comigo há muito tempo.

Valentina Sampaio usa camisa militar vintage e jardineira, À la Garçonne + Colombo, sapatos veganos, À la Garçonne + Di Cristalli, pulseira, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa camisa militar vintage e jardineira, À la Garçonne + Colombo, sapatos veganos, À la Garçonne + Di Cristalli, pulseira, À la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Reprodução)

Vocês são um prova de que o upcycling é viável como negócio, não?

FS A gente teve sorte de chegar em um momento em que as pessoas valorizam a origem, a sustentabilidade e o único. As pessoas gostam de saber que aquela peça que compraram é única ou vem em uma série de duas ou três.

AH Além disso, o upcycling nos abre espaço para trabalhar com todo tipo de produto.

FS Queremos vender um lifestyle completo. Abranger tudo. Quero que a pessoa entre na À la Garçonne e possa se resolver, comprar de roupa de cama a móvel e roupinhas de criança.

Valentina Sampaio usa blazer, calça, À la Garçonne + Colombo, cinto pintado a mão e sapatos vegano, À la Garçonne + Di Cristalli no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa blazer, calça, À la Garçonne + Colombo, cinto pintado a mão e sapatos vegano, À la Garçonne + Di Cristalli no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Reprodução)

E pretendem lançar novas linhas assinadas com todos esses produtos?

AH Nenhum produto está fora. Por exemplo, pesquisamos panelas que podem ser usadas porque não soltam resíduos com o passar do tempo e chegamos às esmaltadas. Vamos fazer esse processo de pesquisa com uma série de outras coisas.

Valentina Sampaio usa camisa e short de couro, Alexandre Herchcovitch, brincos, A la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa camisa e short de couro, Alexandre Herchcovitch, brincos, A la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Reprodução)

Produtos novos também?

AH Sim. As empresas que trabalham com a gente são parceiras. Assinam junto as linhas de produtos novos, que são pensados de acordo com a filosofa da ALG. A gente recebe poucos nãos. Foram 25 anos da minha marca, muitos contatos, e hoje conheço as pessoas certas. Gente que recebe nossas ligações e sempre diz: “Quero estar com vocês”. São pessoas que confiam em mim e realmente acreditam no projeto da ALG.

Valentina Sampaio usa parka militar, Alexandre Herchcovitch, brinco, A la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda "Dupla Dinâmica", da revista ELLE.

Valentina Sampaio usa parka militar, Alexandre Herchcovitch, brinco, A la Garçonne + Hector Albertazzi no editorial de moda “Dupla Dinâmica”, da revista ELLE. (Bob Wolfenson/Reprodução)

Vocês vivem moda o tempo inteiro. Os meninos se interessam por isso?

FS Eles sabem que trabalhamos com moda, vão à loja e se interessam pelos desenhos, pelas roupas. Mas não queremos forçar nada. Queremos que eles sejam o que quiserem ser, que sejam felizes à maneira deles.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s