A semana de moda de Milão pelos olhos do nosso editor de moda

Nosso editor Lucas Boccalão foi a Milão cobrir a temporada de moda a convite do Alugue Temporada e compartilha a experiência neste diário de viagem.

DIA 1 (22.02)

Cheguei em Milão no dia 21, já que a Gucci, o primeiro grande desfile da semana, aconteceria no 22, logo após o almoço. Como já havia trocado o chip do meu celular no avião por um da EasySim4u com internet ilimitada, nem precisei me preocupar com a conexão, que é sempre uma grande questão durante semanas de moda. O desfile foi um dos maiores acontecimentos da MFW (Milan Fashion Week), e pude fazer as transmissões ao vivo que vocês acompanharam no nosso Instagram e Facebook tranquilamente. O convite, que era um vinil com leituras gravadas por A$AP Rocky e Florence Welch, tinha a capa estampada com um grafite que dizia: “What are we going to do with all this future?”, frase da artista e fotógrafa que tomou conta do Instagram e Snapchat da marca no dia do desfile, Coco Capitan.

Convite do desfile da Gucci.

Convite do desfile da Gucci. (Lucas Boccalão)

Tudo aconteceu na nova sede da Gucci, na Via Mecenate, e fomos recepcionados com a imagem dos muros pichados com a mesma frase e a pintura de flores num mural que também estampava o convite. Entrando na sala de desfile, já encontramos Florence Welch, muito simpática e animada, conversando com todos e sendo fotografada. Mais próximo do início da apresentação, os fotógrafos foram à loucura com a chegada da nossa cover girl, Hari Nef, seguida pelo rapper A$AP Rocky e Jared Leto, vestindo um capuz e gerando ainda mais buchicho.

Entrada do desfile da Gucci.

Entrada do desfile da Gucci. (Lucas Boccalão)

As cortinas vermelhas se abrem e vemos uma enorme pirâmide dourada no centro. Todos os 120 modelos (80 femininos e 40 masculinos) desfilavam pelo túnel de vidro numa referência à ideia de transformação pela alquimia e passagem para o mundo encantado de Alessandro Michele. Os macacões de malha de metal cobertos de cristais e a nova camiseta da linha “fake”, com o logo vintage da marca e grafitada com frases de Coco Capitan, são os maiores desejos para o próximo inverno.

Desfile da Gucci.

Desfile da Gucci. (Lucas Boccalão)

Mais tarde, tínhamos o coquetel de lançamento da primeira coleção de óculos da Luxottica com a Valentino. O evento, na realidade, era um espetáculo! Passávamos por um labirinto, onde na metade recebíamos um óculos de presente e seguíamos até terminar em uma sala com uma pirâmide metálica (outra!), que refletia o cômodo inteiro. Eu mesmo não resisti, e tirei uma selfie no seu reflexo com o modelo que fui presenteado. Passando por lá, caímos na sala onde a festa rolava e o próprio Pierpaolo Piccioli, diretor criativo da maison, recebia todos os convidados de braços abertos.

Instalação da Valentino.

Instalação da Valentino. (Lucas Boccalão)

Depois disso tudo, tempo para o banho e me arrumar para a festa da Gucci, que prometia ser o grande bafo da semana. A festa aconteceu no Educandato Statale, um colégio interno para meninos de 17 anos. Alessandro, que montou o casting e juntou as turmas mais diversas para essa noite, fez questão de que os alunos estivessem liberados para descer até a festa e todos curtirem juntos. A locação era incrível, barroca e bem ao estilo do designer. Alguns móveis foram adicionados e os famosos tapetes persas que ele tanto ama cobriam algumas salas.

Festa da Gucci com Florence, Alessandra Michele e o marido, Jared Leto e Hari Nef.

Festa da Gucci com Florence, Alessandra Michele e o marido, Jared Leto e Hari Nef. (Lucas Boccalão)

O clima era de liberdade total! Drags que vieram diretamente de Londres, clássicos, punks e nerds dividiam a pista como toda boa festa deve ser. Antes dos DJ’s assumirem de vez, show especial da cantora, compositora e pianista Tori Amos. No meio da noite, encontro Alessandro com seus squad “quase” completo: Florence, o marido do designer, Jared e Hari. Logo depois, chega A$AP Rocky acompanhado de Kendall Jenner, quase assumindo seu tão especulado “namoro”. Rocky, muito simpático, estava com uma câmera e fotografava momentos da festa além de todos que pediam para falar com ele. A modelo e estrela de reality show o acompanhava bebendo uma boa taça de vinho tinto.

Kendall Jenner e A$AP Rocky na festa da Gucci.

Kendall Jenner e A$AP Rocky na festa da Gucci. (Lucas Boccalão)

Leia mais: O diário de viagem parisiense de Susana Barbosa

Dia 2 (23.02)

Comecei o segundo dia ansioso! Três grandes desfiles de marcas que eu adoro: Max Mara, Fendi, Emilio Pucci e uma de minhas favoritas, Prada. Na Max Mara, fomos recebidos com techno tocando desde cedo e eu, que AMO música eletrônica, já me animei e tive dificuldades para parar de dar uma míni dançada sentado no meu lugar. Natasha Poly abriu a apresentação e foi seguida por outras tops como nossa brasileira Isabeli Fontana, a americana Gigi Hadid e a mais comentada desta estação, a modelo muçulmana Halima Aden, com direito a um Hijab (lenço tradicional que cobre a cabeça) feito do tradicional cashmere camelo da marca, especialmente para o desfile.

Desfile Max Mara.

Desfile Max Mara. (Lucas Boccalão)

Corri para um almocinho rápido com uma turma de brasileiros e fomos direto para a Emilio Pucci. A passarela com a conhecida estampa psicodélica da marca e o convite com um verde aceso já davam pistas. Massimo Giorgetti apresentou sua mais bem sucedida coleção na casa italiana. Lindos os looks de jérse, as peças bordadas com cristais e a mala de rodinhas que deixou todos suspirando já querendo uma.

Passarela da Pucci.

Passarela da Pucci. (Lucas Boccalão)

Depois, na Fendi, todas as garotas adoraram as as botas over the knee vermelhas que acompanhavam os looks desfilados e a bolsa “Run Away” já tinha fãs fervorosas na saída.

Botas da Fendi.

Botas da Fendi.

De lá, fomos direto para a Prada e, de cara, a surpresa da grandiosidade do cenário já fez todos sacarem seus celulares para sair fotografando tudo o que viam pela frente. Miuccia falava da revolução feminina e de que acredita que tudo começa em casa. Assim, o cenário contava com camas cobertas por colchas de pelúcia feitas para garotinhas nada básicas. Aqui, eu preciso admitir que chorei. No meio do desfile, quando entrou meu look favorito, começa a tocar Gesaffelstein. Sou muito fã da marca e do DJ, não consegui segurar e os olhos marejaram.

Desfile da Prada.

Desfile da Prada.

Ainda me recuperando do show que Miuccia deu, numa locação do outro lado da cidade que teve direito a trem, táxi e o resto do caminho a pé, chegamos bem em cima da hora para o desfile da Moschino. Numa brincadeira com a história de um ratinho, o sempre bem humorado Jeremy Scott criou looks com silhuetas clássicas dos anos 1950 e 1960, mas feitas completamente de “materiais reciclados”. Plástico bolha, papelão e todos os descartáveis possíveis viraram looks glamourosos e cheios de ironia. Ótimo fim de noite!

Backstage da Moschino.

Backstage da Moschino.

Dia 03 (24.2)

Acordei cedinho para o desfile da Diesel Black Gold. Começava às 9h30 da manhã, mas já tinha pesquisado na noite anterior que seria bem afastado. Táxis em Milão são difíceis de conseguir durante esta semana e o trânsito faz que muitas vezes seja melhor pegar o metrô. Depois de 40 minutos e mais 10 caminhando, cheguei. Locação incrível! Galpão gigantesco com iluminação digna de show de rock star e as roupas acompanham o mood hardcore. Em seguida, vou para o desfile da Emporio Armani que acontece sempre no mesmo lugar, o Armani Silos, museu e acervo da marca. A energia era ótima! Na trilha, clássicos dos anos 1970 e 1980 embalavam os looks muito mais jovens e o delicioso bloco pink.

Antes da Tod’s, vou ver de pertinho o re-see da Pucci, no showroom da marca. Meus preferidos são a sandália pink com franjas longas e o vestido-desejo – verde limão, coberto de cristais -, para usar na melhor festa que você tiver daqui seis meses. Mais uma parada na Fendi e já sou atraído de cara pelas belas bolsas e acessórios com o novo logo da marca. Os brincos de argola já nascem hit e os novos pingentes com carregador de celular dão aquela ansiedade imediata para chegarem logo às lojas.

De lá, corro para a Tod’s e no meio de um trânsito absurdo, quase perco! Na entrada, sou surpreendido pela linda instalação/performance – que contava até com Naomi Campbell – do artista italiano Thomas de Falco. No minuto em que piso na passarela procurando pelo meu lugar, a música começa e a top Maria Carla Boscono já sai determinada. Se não fosse uma das meninas da equipe da marca a me resgatar do meio da passarela, seria o primeiro atropelamento fashion da minha vida. Sorte a minha! Do lugar onde assisti de pé, tive a melhor vista e spot para fotinhos.

diario-viagem-semana-moda-milao

(Lucas Boccalão)

Na saída, encontro meus amigos supercolaboradores da ELLE e roomates para a semana: o fotógrafo Leo Faria e seu manager Vagner. Nós dividimos um apartamento do Alugue Temporada e eles chegaram no dia, diretamente do aeroporto para os desfiles. Pausa para a fotinho do look do dia que me rendeu muitos likes e novos seguidores! Thanks, Leo 🙂

Leia mais: O street style divertido da semana de moda de Milão

diario-viagem-semana-moda-milao

(Leo Faria)

Agora, era correr para a Versace, o desfile do dia que todos mais esperavam. Chegando no MiCo, o maior centro de convenções da Europa, já sabíamos que a coisa seria boa. Entrando na sala de desfile, ótima música e enormes painéis de LED animavam os fashionistas. Foi o melhor desfile da carreira de Donatella Versace, na opinião deste humilde editor que vos fala, rs. Desde que começou com essa série de desfiles quase manifestos, em que a trilha sonora literalmente grita sua mensagem e as modelos carregam roupas preparadas para qualquer necessidade de sua mulher, a estilista vai bem muito, obrigada. Este falava de igualdade, e a mistura das peças vindas do esporte, alfaiataria e carregadas de sex appeal, era irresistível. Enquanto eu fazia snaps, vejo Amber Valetta (uma de minhas modelos preferidas desde a adolescência) fechando o desfile. Me arrepio e fico com frio na barriga imediato. Não conseguia fazer mais nada. Baixei o celular e só a vi maravilhosa, com pouquíssima maquiagem corretora e somente os olhos pretos do desfile – assumindo naturalmente sua incrível beleza aos 43 anos – passar por mim.

Entrada do desfile da Versace.

Entrada do desfile da Versace.

DIA 4 (25.02)

Ainda com Amber na cabeça e feliz por ter visto um desfile com uma das minhas maiores ídolas, saio cedinho para a Bottega Veneta. Rapidamente encontro meu lugar e já vou lendo o release que falava de uma mulher forte, glamourosa, com ombros marcados e cintura no lugar. Tomas Maier já alertava que apesar de todo o glam, brilhos e etc, tudo era bem ao estilo da marca e a sofisticação discreta ainda pautava toda a apresentação. A música começa e já coloco meu celular a postos para pegar o primeiro clique. E quem aparece? Eva Herzigova! A supermodel icônica, da mesma idade de Amber, e com o mesmo lugar cativo no meu top five do coração. Dou uma suspirada e, sem perceber, fico em pé! Depois de um grito do segurança, eu me recomponho e volto ao meu lugar.

Desfile Bottega Veneta.

Desfile Bottega Veneta.

Saindo com aquela energia, e pensando na sorte de ver essas duas mulheres em menos de 24 horas, sigo para a Jil Sander. Lindo desfile! Todas saíram querendo os casacos doudones, os blazers oversized e os ótimos acessórios – botas de salto grosso, o scarpin de sola tratorada e a bolsa a tiracolo com alças macias de faixa de couro para dar nó – para já!

Desfile Jil Sander.

Desfile Jil Sander.

Passo no nosso apartamento para tomar uma ducha, trocar de roupa e já corro para o Nobu, um dos meus restaurantes japoneses favoritos e sua franquia aqui em Milão é anexa ao lado da loja da Armani. Chegando lá, encontro Paola Parra, PR da marca no Brasil. Pedimos alguns dos especiais e papeamos sobre seu desfile e os acontecimentos da semana.

Restaurante Nobu.

Restaurante Nobu.

Dia 5 (26.02)

Dia de shooting mais que especial para nossa edição de abril. Não posso contar muitos detalhes para não estragar a surpresa, mas nossa equipe tinha o querido Leo Faria responsável pelos cliques e a simpática modelo russa Sofya Titova. Começamos cedinho, já que um dos desfiles mais aguardada da semana, Dolce & Gabanna, era às 14h e eu não perderia por nada.

Dia de shooting.

Dia de shooting.

A entrada era uma loucura e eu sofri no empurra, empurra até conseguir passar pela porta – que podemos dar o prêmio de melhor e mais diverso street style – e chegar no meu lugar. Desde as asiáticas – maiores fãs da marca atualmente – com looks totais, até as mais minimals capricharam nas produções para o evento/show! Austin Mahone, um dos millennials adotado pela marca, cantava ao vivo enquanto os 148 amigos da Dolce desfilavam. As brasileiras tiveram lugar de honra no desfile. Grazi Massafera foi a terceira. Entrou sozinha, linda, orgulhosa e sorridente!

grazi-massafera-dolce-gabbana

(Agência Fotosite)

Saindo do desfile, todos falando da festa da marca que aconteceria à noite e prometia! Voltando para o lugar do desfile mais tarde, o fervo rolava lá mesmo. A passarela virou pista e eu já me animei de cara ouvindo Fade, do Kanye West. O set tocou praticamente apenas hip-hop e várias do rapper. Esbarrei com Andrea e a filha, Alice Dellal, logo na entrada. Marina Ruy Barbosa, de coroa e tudo, dançava com o noivo e Jamie Foxx, que estava mais cedo no desfile, agora tinha voltado com uma turma de garotas. Na metade da festa, toca Madonna e uma das maiores clientes do mundo da marca, uma chinesa animadona começa a girar no ar, no meio palco, suspensa por um boy desconhecido. A festa toda vai ao delírio e, dali em diante, a pista pegou de vez.

Festa da Dolce & Gabbana.

Festa da Dolce & Gabbana.

Dia 6 (27.02)

Última dia de MFW, tínhamos apenas o desfile da Giorgio Armani, novamente no Armani/Silos. O ponto alto foi o grand finale da apresentação. Em vez de fazer uma fila final, a música muda, as luzes também, e entra uma modelo com um deslumbrante longo de malha de metal bordada. Lindo o styling com touca de cristais e as máxi bijoux. Este leva facilmente o prêmio de melhor longo de festa desfilado em Milão.

Saindo juntos de lá, eu, Leo e Vagner seguimos direto para o apartamento. Correria para arrumar todas as nossas malas e seguir para o aeroporto rumo a Paris. Acompanhem tudo pelo Instagram, Facebook e site da ELLE. Já, já tem mais.

diario-viagem-semana-moda-milao

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s