Nossa editora de moda conta tudo sobre a Tailândia

A convite da Pandora, Chantal Sordi foi até o país para conhecer as fábricas da joalheria e este é o seu diário de viagem.

Quem já conferiu a nossa edição de aniversário, viu que fomos à Tailândia para conhecer a nova fábrica que a Pandora inaugurou recentemente por lá. Todo eco sustentável, o ambiente deve aumentar ainda mais as logísticas de produção da joalheira como abrir novas frentes de trabalho para os artesões locais. A abertura da fábrica também marca uma mudança na estratégia da etiqueta que vem buscando se aproximar de um público mais jovem. Com a campanha Do Pandora, dedicada ao empoderamento feminino, já é possível sentir a transição por meio de imagens e criações mais modernas e coloridas.

Os artesãos da nova fábrica da Pandora na Tailândia (Divulgação/ELLE)

Para celebrar esse momento especial, jornalistas do mundo inteiro foram convidados para passar alguns dias na cidade de Chiang Mai, a segunda maior cidade da Tailândia, localizada ao norte do país. Lá ficamos hospedados em um dos hotéis mais belos que eu já vi, o Dhara Devi, praticamente um palácio tailandês.

O hotel Dhara Devi, em Chiang Mai. (Divulgação/ELLE)

Entre as experiências proporcionadas pela label, pudemos conhecer os mercados locais, comprar souvenirs exóticos e conhecer alguns dos templos mais antigos do país, como o Doi Suthep nas montanhas que circundam Chiang Mai, ou o Chedi Luang, situado no centro histórico da cidade. Além disso tivemos alguns agitos como o coquetel de lançamento da campanha Do Pandora e jantares com comidas típicas da Tailândia. Tudo nas imediações de tirar o fôlego do hotel.

Chegando ao jantar de boas vindas da Pandora em Chiang Mai. (Divulgação/ELLE)

Foi uma experiência rápida, mas que vou guardar comigo para sempre, afinal não só tive a oportunidade de conhecer mais sobre a marca e seus valores de comprometimento ambiental, qualidade extrema e de cuidado uns com os outros, mas também de pisar pela primeira vez na Tailândia, um lugar mágico que com certeza voltarei assim que tiver a oportunidade.

O templo Doi Suthep, que fica a dois mil metros de altura, nas montanhas de Chiang Mai. (Divulgação/ELLE)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s