“Karl Lagerfeld mentiu e me difamou”, rebate Meryl Streep

A atriz, que está sendo indicada pela vigésima vez ao Oscar, não aceitou a declaração do estilista da Chanel como um pedido de desculpas.

Na quinta-feira (23.2), o renomado portal de notícias da indústria da moda WWD divulgou um comunicado em que Karl Lagerfeld, diretor criativo da Chanel, declarava que Meryl Streep havia desistido de usar um vestido da maison na noite do Oscar porque outra marca teria decidido pagar para vesti-la.

Leia mais: Meryl Streep teria desistido de usar Chanel no Oscar

Na sexta-feira, a equipe da atriz enviou uma nota negando as acusações do estilista, que, em seguida, escreveu: “Após uma conversa informal, eu entendi errado que a senhora Streep havia escolhido usar outro designer por causa de remuneração, o que sua equipe confirmou que não é o caso. Eu me arrependo dessa controvérsia e desejo o melhor para a senhora Streep em sua vigésima indicação ao Oscar”.

Leia mais: O red carpet é um negócio milionário para stylists e celebridades

A atriz, no entanto, respondeu de volta alegando que a fala de Karl não seria um pedido de desculpas verdadeiro. “Eu não vou aceitar isso facilmente, e a declaração genérica de arrependimento desta ‘controvérsia’ feita pelo Sr. Lagerfeld não foi um pedido de desculpas. Ele mentiu, a mentira fui publicada e eu continuo esperando”, escreveu Meryl. “Karl Lagerfeld, um proeminente estilista, me difamou e difamou minha stylist, além do ilustre estilista que fez o vestido que eu escolhi usar, em uma publicação importante da indústria. Essa história vai ofuscar minha vigésima indicação aos olhos da mídia, dos meus colegas e da audiência”, continuou.

A prática de stylists e celebridades receberem para usar determinadas marcas em eventos como premiações é comum em Hollywood, como explica a stylist Elizabeth Saltzman, que trabalha com nomes de peso, como Gwyneth Paltrow e Uma Thurman, ao portal Business of Fashion. “Alguém paga em algum momento. Mas eu nunca faria um negócio apenas pelo dinheiro. Eu já fiz muitos trabalhos em que não havia dinheiro envolvido porque não parecia certo. Eu quero que as minhas clientes se vistam de forma diferente. Eu quero que elas usem o melhor vestido para elas. Eu não vou me vender por isso”, disse ao site britânicoA equipe de Meryl, no entanto, alegou que esse não é o caso da atriz.

 

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s