Scarlett Johansson fala sobre os tabus da sexualidade feminina

Atriz será uma das protagonistas de comédia estrelada por mulheres.

Rough Night, novo filme de Scarlett Johansson é uma comédia protagonizada por cinco mulheres e seu roteiro foca em um grupo de amigas que viaja à Miami para comemorar uma despedida de solteira. Além de dar uma noção do tom humorístico do longa-metragem, o trailer também revela um dos temas principais da trama: a sexualidade feminina, infelizmente um assunto ainda considerado tabu por muitas pessoas.

Leia Mais: Paris Jackson: a nudez é bela, não precisa ser de forma sexual

Mas se depender de Johansson isso não será mais um estigma, a atriz, em entrevista a uma publicação norte-americana, expressou sua vontade de quebrar esse paradigma e de ver mulheres conversando mais abertamente sobre sexo que, segundo ela, é um tópico muito censurado.

“Mulheres discutindo sobre o quanto gostam de sexo é algo quase proibido. Quando temos uma vida sexual saudável somos tachadas como atiradas, selvagens, vadias. Aos olhos da sociedade, você se torna alguém sem princípios, depravada ou alguém que não consegue estabelecer relacionamentos monogâmicos. Falar sobre o quanto você curte a si mesma, sobre suas curiosidades ainda é um tabu,” desabafou.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s