A Missguided parou de editar as estrias de modelos em fotos

A diretora criativa da marca britânica disse que quer incentivar as mulheres a serem elas mesmas.

Estrias. Se você não tem, provavelmente conhece alguém que as tenha. Essas marcas da nossa pele são tão naturais quanto celulites, espinhas, pelos ou até mesmo cicatrizes. Então por que continuamos as escondendo? Afinal, se elas existem e fazem parte de nós, por qual motivo deveríamos “tirá-las de cena”? Pensando nisso, cada vez mais etiquetas — seja na moda ou na beleza — estão promovendo mudanças reais em suas campanhas e propagandas. Este é o caso da britânica Missguided, que parou de editar estrias de modelos das suas fotos.

A label não fez um anúncio oficial contando sobre a decisão, mas recentemente sua diretora criativa, Samantha Helligso, explicou a modificação ao Daily Mail. “Como uma marca, temos um grande senso de responsabilidade social em apoio às mulheres jovens e queremos inspirar confiança para elas. Estamos em uma missão de mostrar ao nosso público que está tudo bem ser você mesma, abraçar seus “defeitos”, celebrar individualidade e não se esforçar em busca da perfeição. Basicamente, ela não existe,” finalizou.

Leia Mais: Glossier lança campanha com mulheres de diferentes corpos

Vale lembrar que a Missguided não é a primeira a deixar de editar os corpos de suas modelos. Em agosto deste ano, a marca de biquínis Rheya Swim parou de retocar suas imagens e até o Getty Images (um dos maiores bancos de imagens do mundo) começou a regulamentar o uso do Photoshop em suas fotos. Outra medida importante foi a do governo francês: divulgar ao público sempre que uma imagem publicitária for alterada.

O passo da Missguided é apenas o começo para processos muito maiores que precisam acontecer no cenário fashion, como a inclusão de mais diversidade na moda. Entretanto, não deixa de ser importante. É por meio desse movimento na indústria que vamos começar a repensar a relação com os nossos corpos. Essas pequenas transformações contribuem para subverter estereótipos de beleza e nos ajudam a olharmos para nós mesmas de uma maneira menos agressiva. #VamosPensarSobreBeleza

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
E-mail inválido warning
doneCadastro realizado com sucesso!
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s