Dream Team do Passinho usa sua ginga para mudar a vida dos subúrbios cariocas

Eles são de diferentes comunidades do Rio, da Rocinha à Nova Iguaçu. A faixa etária também é variada: Lellêzinha (a única representante feminina do grupo), tem 17 anos. Já Rafael Mike, idealizador do projeto, 35. Hiltinho Fantástico (18), Pablinho Fantástico (22) e Diogo Breguete (24) completam essa espécie de família do gingado. Foi com seu balanço que o grupo Dream Team do Passinho conquistou o Brasil e o mundo. Agora, ele se prepara para lançar o primeiro álbum, que saiu em março pela gravadora Sony, além do clipe da música De Ladinho. Mesmo assim, está longe de ser uma estreia. A turma já tem mais de 20 milhões de views no YouTube e clipe gravado com Ricky Martin

O passinho – como acabaram sendo batizados genericamente as coreografias individuais, desenvolvidas por membros das comunidades que ganharam força em disputas, inclusive entre grupos de bairros diferentes – surgiu no início dos anos 1990 como uma forma espontânea de dançar as músicas do morro. “Ele é a ponta do iceberg de uma cultura ampla, que tem a ver com DJs, dança e comportamento”, conta Mike. “Começou bem básico, quase um dois pra lá dois pra cá”, explica o artista. Mas o avanço da internet e das mídias sociais trouxe uma nova perspectiva para a modalidade. Em uma espécie de concurso informal, jovens gravavam passos – inspirados por estilos de dança como hip hop, jazz, balé e danças pernambucanas -, postavam em suas redes e provocacam o menino da favela rival para que fosse melhor ainda. Esperto, Mike percebeu uma mudança significativa na comunicação entre as comunidades que tinham bailes da modalidade e, em 2010, fez a primeira Batalha do Passinho com o intuito de encontrar os melhores representantes do Rio de Janeiro.

Foi nesse evento que Rafael Dragaud, roteirista e diretor da TV Globo, compareceu como jurado, se encantou e organizou o que já acontecia de maneira orgânica, tornando-se diretor geral do projeto. Diversas batalhas ocorreram até que, em 2013, o sucesso foi tanto quea Coca-Cola patrocinou a iniciativa e a final foi no Caldeirão do Huck

Confira o ensaio Flash Mob com o Dream Team do Passinho!

Que mais? Confira a matéria na íntegra na ELLE de março/2015!

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s