Elas são as concorrentes da categoria Revelação do Prêmio Claudia

Mc Soffia, Sayuri Magnabosco e Tabata Amaral de Pontes são jovens, mas têm muito a dizer (e a ensinar).

Neste ano, o Prêmio Claudia chega a sua 22ª edição. Para votar na sua candidata favorita de cada categoria, basta entrar no site www.premioclaudia.com.br até o dia 25.9 – a cerimônia acontece no dia 2.10, aqui em São Paulo. Abaixo, ELLE apresenta as concorrentes ao prêmio Revelação! Conheça as jovens supercriativas e estão na competição.

Sayuri Magnabosco

revelacao-claudia

 (Pablo Saborido para Prêmio Claudia/Reprodução)

Em 2014, Sayuri era uma estudante do 2º ano do Ensino Médio. No entanto, diferente da maioria das alunas de sua idade, seu ímpeto cientista transformou o quintal da casa de seus pais em um laboratório: tudo para ganhar o Prêmio Jovem Cientista, que um professor a tinha sugerido competir. Para tal, a curitibana inventou uma embalagem sustentável para alimentos feita à base do bagaço da cana-de-açúcar. “Trata-se de um insumo abundante no Brasil, pois é resíduo da produção de etanol. É leve, mas resistente”, explica. Apesar de não ter levado o troféu para casa, 8 universidade norte-americanas das 15 em que se inscreveu a desejam ter como aluna. Sua escolha? Engenharia Biomédica, no Dartmouth College.

Mc Soffia

revelacao-claudia

 (Pablo Saborido para Prêmio Claudia/Reprodução)

Antes mesmo de nascer, Mc Soffia já frequentava rodas de debate e oficinas do movimento negro no útero de Kamilah Pimentel, produtora cultural. Aos seis anos de idade, numa dessas reuniões, ela descobriu a sua paixão pelo hip hop. “Quero cantar”, disse para sua mãe. Desde então, a rapper tem apenas 13 anos, Soffia segue rimando linhas sobre empoderamento feminino, especialmente o de mulheres negras. “Eu assistia à televisão e só tinha gente diferente de mim. Não gostava daquilo, buscava identificação”, diz a menina que, quando mais jovem, sonhava em ser branca. Hoje, sua missão é a de fazer com que nenhuma garota negra se sinta mal pela cor de sua pele. Não à toa, suas letras têm versos como “Menina pretinha/Exótica não é linda/Você não é bonitinha/Você é uma rainha”. Depois de cantar com Karol Conká nas Olimpíadas, ela está realizada: “Minha grande realização é quando outras garotas vêm contar para mim que assumiram seu cabelo depois de ouvir minhas músicas. Isso é fantástico”.

Tabata Amaral de Pontes

revelacao-claudia

 (Pablo Saborido para Prêmio Claudia/Reprodução)

As pretensões de Tabata miram alto: “Ainda serei presidente do Brasil”. A cientista política formada pela Harvard ansia por transformar a sociedade e deixar sua marca no mundo. “Quero ocupar cargos e mudar a realidade”, diz a jovem que quer se candidatar a deputada nas próximas eleições. Enquanto ainda fazia faculdade nos Estados Unidos, a menina que veio do extremo sul de São Paulo juntou-se a alguns colegas também brasileiros para conceber o Mapa Educação, um manifesto sobre as fragilidades do sistema educacional em seu país de origem. Além disso, um pouco mais tarde, Tabata criou o Acredito, um movimento suprapartidário para apoiar candidatos que assinam embaixo de suas causas (que variam entre interesses da direita e da esquerda): casamento igualitário, mais independência para a economia e educação de qualidade.

Newsletter Conteúdo exclusivo para você
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s