ELLE elegeu as cinco performances mais incríveis de FKA twigs

Cantora, bailarina, performer e produtora, FKA twigs chama atenção por onde passa pelo talento e visual marcante. Em julho deste ano, a britânica de 28 anos (que já lançou três EPs e um disco – o LP1, em 2014) estreou um novo show – Radiante Me², onde apresentou três músicas novas e uma coreografia inédita – para o delírio dos fãs e da crítica musical. Nascida Tahliah Debrett Barnett, a filha de uma professora de salsa e de um músico chegou a tentar ser bailarina profissional em Londres, mas não deu certo. Se o mundo da dança não era para a artista, a música e a performance cabem completamente em seu universo. Seu trabalho já a levou a estrelar uma campanha da Calvin Klein e a ter os figurinos de sua turnê assinados por Alexander McQueen. Fique a seguir com cinco vídeos que comprovam que é ela quem manda: 

Vídeo Calvin Klein: 

Na campanha de verão 2016 da marca, FKA assina a direção do vídeo no qual contracena – e dança-  com o dançarino Kaner Flex. “Queria fazer algo que inspirasse as pessoas a se sentirem livres e com a vibe jovem da CK”, ela declarou na época.  A faixa é Good To Love, lançada no começo do ano pela cantora. 

Voguing com Benjamin Milan: 

Revivendo os passos de Vogue, (sim, aquela da música da Madonna que virou quase um hino nos clubes gays na década de 80), FKA levou o icônico performer Benjamin Milan para o palco. 

Début na televisão americana: 

Para sua primeira apresentação na televisão americana, a cantora chamou o artista Daniel Wurtzel, que levou a obra cinética Fabric para o palco. Um grande tecido esvoaçante acompanhava os passos de FKA, enquanto ela cantava a faixa Two Weeks, do LP1

Cover de Elastic Heart, da Sia: 

Não era de se esperar que FKA apenas reproduzisse uma música que não é sua. Durante a apresentação no programa Live Lounge, da rádio BBC Radio One, a artista apresentou uma versão delicada do hit da cantora SIA e uma coreografia inédita. 

Durante o prêmio MOBO Awards: 

Music of Black Origin, ou MOBO, é um prêmio lançado em 1996, no Reino Unido, para reconhecer artistas da música negra. Na apresentação do ano passado, a artista fez um medley das faixas Figure 8 e In Time. Durante os cinco minutos da performance com bailarinos, não tinha para mais ninguém. 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s