Menina de atitude

A cantora e compositora dinamarquesa MØ se apresenta nos dias 29, 30 e 31 de maio no Brasil.

Dançar em cima de um ônibus em Mumbai. Se apresentar ao lado da rapper Iggy Azalea no programa tradicional americano Saturdary Night Live. Trazer o top esportivo de volta a moda. Podemos creditar esses feitos para Karen Marie Ørsted, a cantora dinamarquesa de 26 anos mais conhecida como MØ, que se apresenta no Brasil nos dias 29, 30 e 31 de maio, em São Paulo, Rio de Janeiro e Curitiba, respectivamente. Com apenas um CD no currículo, o elogiado No Mythologies to Follow, de 2014, a cantora se diz animada em vir ao país, “estou em LA em direção a uma reunião, meus próximos shows são apenas daqui duas semanas na turnê no México e no Brasil – não poderia estar mais ansiosa. Vai ser bom ir para São Paulo, nunca estive ai antes”. A artista é rata dos festivais, já se apresentou em eventos como Coachella e Bonaroo e viaja o mundo se apresentando ao lado do trio hypado Major Lazer. “Os festivais americanos são muito diferentes dos europeus, acho que é porque o pessoal pode beber mais e tudo fica trash. No Coachella tudo é lindo, as pessoas são arrumadas e você só pode beber em alguns lugares”, explica MØ. Sobre seu contato com os gigantes da música eletrônica, Major Lazer, a cantora e compositora é só elogios. Sua relação com o grupo começou em 2012 quando ficou “obcecada” – segundo a própria – com a faixa Get Free e o reconhecimento foi instantâneo. “Aquela música me inspirou muito, e uma revista inglesa me entrevistou e me perguntou qual seria minha colaboração dos sonhos e disse que era com eles (Major Lazer)”, conta. Depois disso, o papo virou amizade e parceria, “um usuário do Twitter marcou o Diplo e ele respondeu que deveríamos marcar uma session”. A colaboração rendeu as faixas XXX88, presente em seu disco de estreia, e o hit Lean On, lançado este ano, que alcançou o topo das paradas ao redor do mundo e foi por um período a faixa nº2 do Spotify – com uma média de 2 milhões plays diários. E ela não tem dúvidas quando diz que o clipe da faixa é o seu favorito, “de longe, foi o que mais gostei de gravar, na Índia. Já havia estado em Mumbai, mas só de sentir aquele cheiro da cidade de novo, sabia que estava bem”.

 

 

Ser uma das meninas que andam com os caras não parece incomodar a artista, que, em sua cronologia musical, conta que aos sete anos sonhava em ter o mesmo caminho pop que as Spice Girls e na adolescência se rendeu ao rap e ao punk. “Contanto que você pregue o que você realmente pensa, está tudo ótimo. Amo música pop e punk, por que eles não podem trabalhar juntos?”. Em dinamarquês, MØ significa alguém “que não foi tocado pela experiência”, ou seja, uma espécie de virgem em questão de maturidade. E que é um assunto recorrente em suas letras, cheias de angústias da juventude, dançantes mas melancólicas. “Mesmo com tudo que está acontecendo com minha carreira, ainda sou uma pessoa cheia de emoções e sei que não importa o que aconteça com a sua vida, você precisa se manter o mesmo, com pés no chão”, conta. 

Quando o assunto é girl power, ela pode ser considerada uma das meninas com mais atitude das últimas cantoras pop da atualidade. “Entre os artistas solo consigo citar diversas mulheres, como Rihanna e Beyoncé, mas se você pegar a conjuntura toda você ainda vê mais homens do que meninas”. Dona de um estilo característico, trança no topo da cebeça, roupas esportivas, tênis e top de academia, fazem parte do seu figurino de palco. É ela que veste as calças e está pronta para se sujar, “eu danço muito em meu show, gosto de me sentir confortável. Claro, é divertido brincar de se arrumar. Mas ao mesmo tempo sei que vou me jogar no público, ou na lama e acabar sujando tudo.”

 

 

 

 

São Paulo
29 de maio (sexta-feira) – às 21h
Audio Club – Av. Francisco Matarazzo, 694 – Água Branca – São Paulo – SP
Ingressos: R$ 240 (há meia-entrada)

Rio de Janeiro
30 de maio (sábado) – às 22h
Sacadura 154 – Rua Sacadura Cabral, 154 – Saúde – Rio de Janeiro, RJ
Ingressos: R$ 200 (há meia-entrada)

Curitiba
31 de maio (domingo) – às 19h
Music Hall – Rua Engenheiro Rebouças, 1645, Rebouças, Curitiba (PR)
Ingressos: R$ 180 (há meia-entrada)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s