Ronaldo Fraga resgata tragédia da cidade de Mariana em desfile

Estilista emocionou o público com desfile que teve a presença de Marília Gabriela.

Ronaldo Fraga fez de sua passarela um canal. Se inspirou no desastre de Mariana para falar de memória e reconstrução. Mas também para falar de aniquilação, de esquecimento. Uma das maiores tragédias dos últimos tempos, que segue sem responsáveis e não esclarecida, estranhamente deixou poucas imagens humanas no imaginário midiático. As imagens em geral feitas de cima mostravam apenas barro. Ele encontrou mulheres, artesãs da região que estão ajudando a remodelar a vida por lá. Elas contaram pra ele sobre as plantas que existiam ali nos jardins, um símbolo de fertilidade e de presença humana. Resgatou as poucas fotos de família que elas conseguiram salvar e as misturou com as de sua família.

Os álbuns de recordações foram tragados pela massa de rejeitos e terra, assim como muitas das pessoas que neles estavam registradas em seus momentos felizes. Coração americano, acordei de um sonho estranho diz a cantora com as palavras de San Vicente, de Milton Nascimento. Um país que parece ter sido atolado por um mar de lama visto de cima, por câmeras e helicópteros. Mas na passarela de Ronaldo há pessoas, há mulheres, e elas estão deitadas no chão. Há cobras em seus vestidos. E cores de luto. Mas também sementes. E cores de luta.

A coleção se chama mudas. Talvez porque exista de fato um grande silêncio sobre as dores do mundo, do Brasil, das pessoas. Muito se fala, mas o que se diz? E o que se escuta? Mudas porque também há sementes. Essas roupas são imagens de sementes. Que importante, especialmente nesse momento da moda brasileira e do mundo, que Ronaldo e suas parceiras tenham decidido plantá-las.

 

Ronaldo Fraga SPFW N45

 (Fotosite/Agência Fotosite)

Ronaldo Fraga SPFW N45

 (Fotosite/Agência Fotosite)

Ronaldo Fraga SPFW N45

 (Fotosite/Agência Fotosite)

Ronaldo Fraga SPFW N45

 (Fotosite/Agência Fotosite)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s