Portugal: confira os melhores programas em Porto e Lisboa

Apesar da rivalidade histórica entre Porto e Lisboa, as cidades de Portugal empatam em programas imperdíveis e estão cada vez mais modernas. Melhor conferir as duas

Nâo perca o jantar harmonizado no Porto e o happy hour no Bairro Alto Hotel, em Lisboa
Foto: Getty Images

PORTO

Day spa no The Yeatman Hotel

O hotel cinco estrelas traduz a histórica ligação da cidade com o vinho até nos banhos de imersão, nas massagens e nos tratamentos de beleza de seu spa, patenteado pelo Caudalie (spa e laboratório francês). A experiência do banho, com extratos de vinho tinto, famoso pelas propriedades antioxidantes, é inesquecível – principalmente pela jacuzzi estar em uma sala com paredes de vidro, proporcionando uma vista para o rio Douro e para o centro histórico da cidade. O banho é geralmente seguido de uma exfoliação (com sementes de uva), de massagem (uma opção inclui uvas frescas) e de um tratamento facial. Mais informações no site.

Jantar harmonizado com vinho

Comandada pela chef Cristina São Pedro, a cozinha do Bull & Bear é de raiz portuguesa com acentos mediterrâneos. O menu do restaurante pode mudar, mas há sempre uma opção de quatro pratos harmonizados com vinho. O caril de camarão-verde, com chutney de tomate e maçã, fica ainda mais saboroso acompanhado de uma taça de Quinta do Cidrô 2010, um vinho branco frutado da região demarcada do Douro, a noroeste de Portugal. Para comer e beber de joelhos.

Drinques no bar plateia

Como o nome já adianta, o Hotel Teatro presta homenagem a outro patrimônio cultural do Porto, as artes dramáticas. Instalado na construção que abrigava o Teatro Baquet, inaugurado em 1859, o local atrai os visitantes por capturar em todos os detalhes o esplendor do palco e a linguagem cênica. É isso que dá um charme especial ao Bar Plateia, ideal para drinques no começo da noite. O décor tem figurinos, cortinas e iluminação, que remetem ao mundo do teatro. Assinado pelo arquiteto Miguel Brito Nogueira e pela desiger de interiores Nini Andrade Silva, o Teatro é o primeiro hotel do Porto a integrar a rede Design Hotels.

LISBOA

Happy hour no Bairro Alto Hotel

O terraço do hotel, situado em uma construção do século 19 (que já abrigou o Grand Hotel de l’Europe), oferece uma vista linda para os telhados antigos da cidade e para o rio Tejo. Aberto todos os dias, o espaço no sexto andar é ótimo para relaxar nas poltronas, cheias de almofadas, tomando alguma bebida local – de preferência, uma sangria à base de espumante português, o Murganheira. Para continuar a noite, vale conhecer o Café Bar BA, que costuma ferver no térreo, com seu bar circular e mezanino. A localização do hotel ainda é privilegiada: entre o Bairro Alto e o Chiado, em plena praça Luís de Camões, que foi reduto de intelectuais e artistas. Mais informações no site.

Compras na Akira Store

Inspirada pela vanguarda de Tóquio e com decoração clean e moderna, a loja é conhecida por suas peças originais e pelos acessórios alternativos. Sob o lema “reinvent your reality”, a proprietária, Dulce Ramos, aposta principalmente em estilistas portugueses de destaque, como Ricardo Dourado, Ricardo Andrez, Joana Teodoro (da grife LadyBug) e Fernanda Pereira. Calçada Combro, 10, 1200-114, tel. (351) 9139 05935.

Jantar e balada no Sea Me

O restaurante evoca a ideia de uma antiga peixaria, mas com uma abordagem contemporânea – garçons com uniforme moderninho e bancadas de metal. Vale pedir um prato típico da culinária portuguesa: amêijoas (vôngole) à Bulhão Pato (batizadas assim para homenagear o poeta Raimundo Antonio de Bulhão Pato). O chef Filipe Rodrigues também é conhecido pelo delicioso risoto de camarão e pelos peixes grelhados. É um dos restaurantes mais movimentados de Lisboa – em parte por contar com um bar e com DJ nas noites de final de semana. Mais informações no site.

Dicas da editora

Michaela von Schmaedel esteve em Lisboa há alguns meses e recomenda três programas na cidade.

Pensão amor: no Bairro Alto, um bar instalado em um casarão onde funcionava um bordel. O décor faz jus ao passado da casa, com o cano de pole dance ainda instalado no meio do salão.

A vida portuguesa: loja com uma ótima seleção de produtos do dia a dia muito usados em décadas passadas. Baldes de alumínio, leiteiras, sabonetes com embalagens vintage, uma coisa mais nostálgica do que a outra.

Pap’açorda: restaurante tradicional do Bairro Alto, inaugurado nos anos 1980, com paredes cor-de-rosa e lustres vintage. O carro-chefe da casa são as açordas, um prato típico português. Não deixe de ir. Rua da Atalaia, 57, tel. (351) 213 464 811.
 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s