As melhores empresas para se trabalhar com moda no mundo

O Business of Fashion liberou a sua lista anual com as empresas que se destacaram em benefícios, liderança e ambiente de trabalho.

Trabalhar com moda vai muito além de desenhar roupas. O mercado envolve marketing, criação, produção de conteúdo, além de muita pesquisa para desenvolver as coleções de forma criativa sem esquecer do desejo dos clientes. Assim como em qualquer outra área, existem empresas que são referência no mercado por sua importância história, mas não necessariamente são os melhores lugares para começar uma carreira quando se leva em consideração possibilidade de crescimento e condições de trabalho.

O renomado Bussiness of Fashion anualmente faz uma pesquisa extensa para saber quais as melhores empresas para se trabalhar no ramo. Em 2017, eles elegeram 16 companhias que mostraram um grau de excelência de produção e apresentaram um ambiente de trabalho favorável para seus funcionários.

Leia mais: Novos nomes da moda dão dicas para quem está começando

Foram entrevistadas mais de 2600 pessoas em 190 companhias ao redor do mundo, e toda a informação coletada foi quantificada segundo os três principais critérios do veículo: recompensas e benefícios, liderança e desenvolvimento, cultura de trabalho e ambiente.

A boa notícia é que enquanto no passado as reclamações por causa das condições de trabalho eram muitas, nos últimos tempos a satisfação aumentou 76% no mercado. Até mesmo as grandes maisons, que não apareciam no ranking, começaram a se adaptar aos novos tempos e passaram a dar as caras na lista. Ao contrário, porém, o mercado ainda peca em incentivar a liderança e o desenvolvimento de membros de sua equipe — o que deveria ser prioridade para manter grandes talentos e auxiliar no plano de carreira dos funcionários.

Abaixo, confira a lista completa em ordem alfabética, que não representa necessariamente o lugar em que a empresa foi criada, mas onde seus funcionários melhor a avaliaram:

Adidas (Alemanha)
Berluti (França)
Calvin Klein (Estados Unidos)
Cotton On Group (Austrália)
Farfetch (Reino Unido)
Galerie Lafayette (França)
Gap Inc. (Estados Unidos)
Gucci (Itália)
H&M (Suécia)
Levi Staruss & CO (Estados Unidos)
Loewe (Espanha)
Norstorm Inc. (Estados Unidos)
Tommy Hilfiger (Países Baixos)
Warby Parker (Estados Unidos)
Zalando (Alemanha)
Zara (Espanha)

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s