Ralph Lauren deixará de usar mohair em seus produtos

PETA denunciou o sofrimento animal causado na extração do pelo da cabra angorá.

Depois de marcas como Diane von Furstenburg, Topshop e Zara, chegou a vez de Ralph Lauren anunciar que não usará mais mohair em seus produtos. O tecido é resultado da extração do pelo de cabra angorá — aquele bem fininho e macio, mais leve que as peles e pelúcias convencionais.

Leia mais: O que é Mohair e por que o material está deixando de ser usado na moda?

O designer atendeu aos apelos do PETA, que em maio revelou imagens do terror pelo qual as cabras passam para ter seu pelo extraído na África do Sul (produtor de metade do mohair do mundo). Em muitos casos, os animais são mortos de forma cruel para que o material seja aproveitado.

Veja também

“Como um padrão confiável de bem-estar animal para a extração de mohair não existe atualmente, não vamos usá-lo em nossa linha de produção daqui por diante”, declarou um porta-voz da Ralph Lauren em comunicado oficial.

 

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s